10 de out de 2011

Ações individuais...



Chega uma hora em que cada um faz o que pode, do jeito que sabe.
Esse é o José da Hora, porteiro que encontrei no sábado, 8/10, arrumando um jardim em frente ao prédio onde trabalha. Estava ali por vontade própria. Disse que a prefeitura plantou um Pau Brasil que vai demorar muito pra crescer e que ele plantou uma goiabeira que nasceu no muro do seu prédio. Uma terceira árvore está nascendo ali também.
Ele estava feliz, colocou madeirinhas para proteger o canteiro e plantou Espadas de São Jorge...


Nenhum comentário: